segunda-feira, 11 de abril de 2011

Dia 16: O que realmente importa?




" E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria. " 1 Coríntios 13:3

" E o amor é este: que andemos segundo os seus mandamentos. Este é o mandamento, como já desde o princípio ouvistes, que andeis nele. " 2 João 1:6

Viver consiste em amar.
Uma vez que Deus é amor, a lição mais importante que ele quer que você aprenda neste mundo é como amar. É quando amamos que somos mais parecidos com o Senhor, de modo que o amor é a base de todos os mandamentos que ele nos deu: " Porque toda a lei se cumpre numa só palavra, nesta: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo." Gálatas 5:14 .
Aprender a amar altruisticamente não é fácil: vai contra nossa natureza egoísta. É por isso que temos toda uma vida para aprender. É claro, Deus quer que amemos a todos, mas tem um interesse especial em que aprendamos a amar as outras pessoas que fazem parte de sua família. Por que Deus insiste em que dediquemos amor e atenção especial aos outros cristãos? Por que eles devem ser priorizados? Porque Deus quer que sua família seja conhecida pelo amor mais que por qualquer outra coisa. Jesus disse: " Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos, se vos amardes uns aos outros. " João 13:35 .
No céu, desfrutaremos a convivência familiar da família de Deus para sempre, mas primeiro temos um trabalho árduo a realizar neste planeta que nos servirá de preparação para uma eternidade de amor. Deus nos educa dando-nos "responsabilidades familiares", e a principal é a prática de amar uns aos outros.
É da vontade de Deus que você tenha um relacionamento íntimo e constante com os outros fiéis, para que possa desenvolver a habilidade de amar. O amor não pode ser aprendido no isolamento. Você precisa de pessoas por perto - pessoas irritantes e imperfeitas que nos causam decepção. Por meio dessa união, aprendemos três verdades importantes.
  • O melhor exercício da vida é amar. Amar deve ser sua principal prioridade. Amar não é uma parte boa de sua vida: é a mais importante. Não basta dizer " Uma que quero na vida é ser amoroso ", como se isso fosse apenas um item na sua lista dos dez principais objetivos. Seus relacionamentos devem ter prioridade acima de tudo. Por quê?
    • A vida sem amor não tem valor algum. Paulo levanta a questão: " Ainda que eu dê aos pobres tudo o que possuo e entregue o meu corpo para ser queimado, mas não tiver amor, nada disso me valerá. " 1 Coríntios 13:3  . Frequentemente, agimos como se os relacionamentos são apenas parte de nossa vida. Isso dá a impressão de que os relacionamentos são apenas de nossa vida, no contexto de muitas tarefas. Mas Deus diz que a vida é feita de relacionamentos. Quatro dos Dez mandamentos tratam de nosso relacionamento com Deus, enquanto os outros seis tratam de nosso relacionamento com as pessoas. Mas todos os dez referem-se a relacionamentos! Posteriormente, Jesus resumiu o que mais importa para o Senhor em duas instruções: amar a Deus e amar as pessoas. Ele disse: " Respondeu Jesus:  ‘Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento’. Este é o primeiro e maior mandamento. E o segundo é semelhante a ele: ‘Ame o seu próximo como a si mesmo’. Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas. " Mateus 22:38 .  Após aprender a amar a Deus (adorar), aprender a mar os outros é o segundo propósito de sua vida. Os relacionamentos, e não as realizações ou as aquisições materiais, são o que mais importa na vida. Então, por que nos permitimos menosprezar nossos relacionamentos? Quando nossa vida fica sobrecarregada, começamos a tratá-los de forma superficial, reduzindo o tempo, a atenção e a energia que os relacionamentos de amor exigem. O que é mais importante para Deus é substituído pelo mais urgente. Preocupamo-nos em ganhar a vida, em concluir nossas tarefas, em pagar as contas e em cumprir metas, como se isso fosse a razão de nossa vida. Mas não é! O objetivo da vida é aprender a amar - a Deus e as pessoas. Vida menos amor é igual a zero.
    • O amor permanece para sempre. Outra razão pela qual Deus nos manda fazer do amor nossa principal prioridade é que ele é eterno: " Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor. "1 Coríntios 13:13 . O amor deixa um legado. A forma de você outras pessoas, e não a sua riqueza ou suas façanhas, é a influência mais duradoura que se pode deixar neste mundo. Em nossos momentos finais, todos nós percebemos que são os relacionamentos que constituem a vida. Ser sábio é aprender essa verdade o mais rapidamente possível. Não espere chegar ao leito de morte para compreender que nada é mais importante.
    • Seremos avaliados pelo amor que dedicamos. A terceira razão para tornar o aprendizado do amor o objetivo de nossa vida é que serems avaliados com base nele na eternidade. Uma das formas pelas quais Deus mede nossa maturidade espiritual é pela qualidade de nossos relacionamentos. No céu, Deus não dirá: "Fale-me de sua carreira, de sua conta bancária e de seus passatempos". Em vez disso, irá rever a maneira com que você tratou as pessoas; especialmente as necessitadas. A Bíblia diz: " Então eles também lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, ou com sede, ou estrangeiro, ou nu, ou enfermo, ou na prisão, e não te servimos? " Mateus 25:45 . Quando partir para a eternidade, você deixará todo o resto para trás, exceto seu caráter. Tendo conhecimento disso, sugiro que, ao se levantar pela manhã, ore ao Senhor dizendo-o que quer ter tempo para amá-lo e para amar as pessoas.
  • A melhor expressão do amor é o tempo. A importância das coisas pode ser medida pelo tempo que estamos dispostos a investir nelas. Quanto maior o tempo dedicado a alguma coisa, mais você demonstra a importância e o valor que ela tem para você. Se quiser conhecer as prioridades de uma pessoa, observe como ela utiliza o tempo. O tempo é a sua dádiva mais importante, pois você recebeu uma medida fixa dele. Você pode aumentar seu dinheiro, mas não pode aumentar seu tempo. Quando você dedica seu tempo a alguém, está dedicando uma porção de sua vida que jamais irá recuperar. Seu tempo é sua vida por isso o maior presente que você pode dar a alguém é o tempo. Não é o bastante dizer que relacionamentos são importantes: devemos provar essa afirmação, investindo tempo neles. " Filhinhos, não amemos de palavra nem de boca, mas em ação e em verdade. " 1 João 3:18 . Relacionamentos demandam tempo e esforço. A essência do amor não é o que pensamos, fazemos ou proporcionamos aos outros, mas quanto damos de nós mesmos.
  • O melhor momento para amar é agora. Algumas vezes, o adiamento é uma resposta válida para uma tarefa trivial. No entanto, como o amor é o que mais importa, ele tem prioridade máxima. A Bíblia diz: " Portanto, enquanto temos oportunidade, façamos o bem a todos, especialmente aos da família da fé. " Gálatas 6:10 . Por que o melhor momento para expressar amor é agora? Porque  você não sabe até quando terá oportunidade. As circunstâncias mudam, as pessoas morrem, os filhos crescem. Você não tem nenhuma garantia do amanhã. Se você quiser expressar seu amor, é melhor que faça agora. Tendo consciência de que um dia estará diante de Deus, seguem-se algumas questões que você precisa levar em consideração:
    • Como explicará aqueles momentos em que projetos e coisas foram mais importantes para você que as pessoas?
    • Com quem você precisa começar a passar mais tempo?
    • O que você precisa eliminar de sua agenda para tornar isso possível?
    • Que sacrifício precisa fazer?
O melhor exercício da vida é amar. A melhor expressão do amor é o tempo. O mehor momento para amar é agora.

(Livro: Uma Vida com Propósitos)

Próxima postagem: Um lugar ao qual pertencer

Postado por Milena do Carmo Araújo



Nenhum comentário:

Postar um comentário